‘Bolsa Família’: Governo quer incentivar pais a terem mais filhos, na Itália

Para reverter queda 'apocalíptica' nos nascimentos, ministra quer ampliar 'Bolsa Família' italiano

Para reverter queda ‘apocalíptica’ nos nascimentos, ministra quer ampliar ‘Bolsa Família’ italiano

Diante de uma queda “apocalíptica” no número de nascimentos no país, a ministra da Saúde da Itália defendeu a ampliação do benefício concedido a bebês de famílias de baixa renda para incentivá-las a ter mais filhos.

Apenas 488 mil bebês nasceram em solo italiano em 2015, menos do que em qualquer ano desde que o Estado moderno foi fundado ali, em 1861.

Para a ministra Beatrice Lorenzin, o bônus mensal concedido a esses lares deveria ser o dobro dos 80 euros atuais (R$ 320). E, como uma forma de encorajar a formação de famílias grandes, ela também pediu pagamentos maiores a pais que têm o segundo ou mais filhos.

Em entrevista ao jornal ‘La Repubblica’, Lorenzin afirmou: “Se continuarmos a lidar com isso como fazemos agora e falharmos no objetivo de reverter essa tendência, teremos menos de 350 mil nascimentos anuais daqui dez anos, 40% menos do que em 2010 – um apocalipse”.

Ela acrescentou: “Em cinco anos, perdemos mais de 66 mil nascimentos (por ano)… Se ligamos isso ao aumento no número de pessoas idosas e cronicamente doentes, temos o retrato de um país moribundo”.

Até os 3 anos

O pagamento do benefício, instituído no ano passado, está disponível para bebês nascidos entre o início de 2015 e o fim do ano que vem, e é concedido até o terceiro aniversário da criança.

A ministra, uma influente integrante do governo do premiê Matteo Renzi, quer que o direito seja estendido a todas as crianças com menos de três anos de idade.

A Itália tem uma das taxas de natalidade mais baixas da Europa. Segundo números coletados pelo Banco Mundial, em 2014 eram só 8 nascimentos para cada 1 mil habitantes, contra 12 no Reino Unido e 13 nos Estados Unidos.

No Brasil, foram 14 nascimentos para cada 1 mil habitantes no ano passado, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

 

Fonte: Veja

Anúncios
Esse post foi publicado em Últimas Notícias. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s